No stress - Agomelatina na Melatonina

on quarta-feira, 10 de março de 2010

Dias atrás, eu estava pesquisando no Google sobre Melatonina e Valdoxan e encontrei um bom artigo. Hoje fui reler , mas a página foi removida do Artigonal. Como ainda era possível acessar em cache, eu copiei e colei aqui no blog.

Agomelatina (Valdoxan): Um Novo Antidepressivo Com Ação Na Melatonina

Por: Mario Peres
Publicado em 29/07/2009

Foi recentemente aprovado pela ANVISA no Brasil o uso do Valdoxan, a agomelatina, um novo medicamento antidepressivo com ação em receptores de melatonina. A agomelatina estava sendo esperada pela comunidade médica pois o seu perfil de eficácia e tolerabilidade é bastante bom. É o primeiro antidepressivo com ação diferente dos neurotransmissores clássicos como a serotonina, dopamina e noradrenalina.

Segundo a EMEA, agëncia regulatória de medicamentos na Europa, a agomelatina representa uma significante inovação no tratamento da depressão. Em estudos comparativos a agomelatina foi superior à venlafaxina no tratamento da depressão, além de ser melhor tolerada.

A agomelatina é um dos antidepressivos com menor índice de cefaleia, dor de cabeça como efeito colateral. Devido ao grande número de evidencias que ligam o sistema de melatonina com a enxaqueca, o potencial de uso da agomelatina no tratamento preventivo da enxaqueca e outras cefaleias é bastante esperado, novas pesquisas informarão detalhes sobre o assunto.

O valdoxan foi lançado em comprimidos de 25 mg, podendo ser ajustada a dose para 50 mg. Espera-se que com a agomelatina o arsenal terapëutico medicamentoso da depressão seja aumentado, com um medicamento que possa agir fora do sistema serotoninérgico, dopaminérgico ou adrenérgico, como são os antidepressivos atualmente. O clássico antidepressivo Prozac, a fluoxetina, por exemplo age como um inibidor da recaptação de serotonina, melhorando a função da serotonina no cérebro. A agomelatina agindo na melatonina abre uma outra opção de tratamento para depressão.

Perfil do Autor

Dr. Mario Peres é médico neurologista, com doutorado em Neurologia pela Escola Paulista de Medicina (unifesp), Pós-doutorado na Thomas Jefferson University, Philadelphia, autor do livro “Dor de cabeça: o que ela quer com você”, e de mais de 70 publicações científicas. Foi eleito Fellow do American College of Physicians. Para marcar uma consulta com o Dr Mario Peres, ligue para 11 32855726 (centro de cefaleia), ou 11 37473309 (Hospital Albert Einstein).

Fonte: http://www.artigonal.com/authors/195455

52 comentários:

Fekmania disse...

Gostei muito do site irei freqüentá-lo mais vezes. Sofri muitos anos de enxaqueca, hoje estou livre já vai fazer uns 2 anos, não é propaganda não mas uma dica que eu dou é o site http://cefaleias.com.br/enxaqueca , tem muita informações sobre enxaqueca, ansiedade, depressão, dor de cabeça, e cefaléia em salvas. Dicas sobre tratamento, http://cefaleias.com.br/blog/tratamento-da-enxaqueca etc. Espero que gostem da dica e que eu tenha ajudado.

Luciana Vaz disse...

Olá, Fekmania! Seja bem-vindo, aliás, agradeço demais a sua visita e o seu comentário. Eu vou ser honesta com vc. Eu experimentei tomar o Valdoxan por 14 dias. Não me fez bem. Tive muitos efeitos colaterais, aliás, foi um período desastroso pra mim. O que não significa que não possa ser bom para outras pessoas. Mas a minha experiência com esse medicamento foi triste. Sempre que vc tiver uma dica como essas que vc deixou, por favor, não hesite em comentar. O espaço é aberto a todos os amigos leitores e os comentários e dicas enriquecem as postagens. Obrigada, felicidades e sucesso pra vc. Beijão da Lu.

Anônimo disse...

Olá Luciana assim como vc não estou tendo uma "boa" experiência com o Valdoxan. Estou tomando o medicamento há duas semanas e estou me sentido enjoada demais, com tonturas fortes, dores de cabeça constantes, sono leve com pesadelos, muita irritabilidade e um mau -humor inexplicáveis. Eu toomava amitriptilina há oito anos, até tinha alguns efeitos colaterais como boca seca, cansaço e sonolência mas nada que me prejudicasse tanto. Comentei aqui porque gostaria de saber quais os efeitos colaterais ruins que outras pessoas tiveram com esta substãncia. Meu mpedico não me atende nunca!!!
Beijos

Luciana Vaz disse...

Olá, anônimo! Olha, o meu médico acompanhou os meus efeitos colaterais - por telefone e pessoalmente. E qdo os efeitos se agravaram, ele suspendeu o valdoxan, mas substituiu por outro medicamento pq eu não podia entrar em abstinência. O acompanhamento médico é fundamental. Eu espero que vc consiga resolver isso o mais rápido possível. Se puder, me mantenha informada sobre a evolução do seu quadro. Estou torcendo por vc. Um beijão da Lu.

Anônimo disse...

Estou tomando o Valdoxan a quase 20 dias....
Nao tive nenhum efeito colateral...a unica coisa foi um sono excessivo nos primeiros dias....depois passou.
O unico incoveniente é o preço (R$ 136,00 uma caixa com 28 )
Estou com ele pois passei da fase de ansiedade para uma depressão ansiosa
Trocar de medicamento é começar do zero....mas nao se pode perder as esperanças..
Meu grande problema é negar tudo o que sinto e nao aceitar.....
Isso sim é um degrau que tenho que subir!!!
Bjs

Alessandra Zanchetta

Luciana Vaz disse...

Olá, Alessandra! Peço desculpas por demorar pra responder o seu comentário. Querida: Todos os medicamentos antidepressivos são caros! Eu fico chocada com os preços. Mas acho que vc sabe bem que o problema maior é lidar com o fato. Não aceitar o problema dificulta demais, querida! Vc precisa trabalhar isso. Eu postei sobre o meu tratamento com a psicóloga. http://www.lucianavaz.net/2010/11/espire-ansiedade-expire-o-transtorno-de.html . Dê uma olhadinha que pode te ajudar em alguma coisa. Beijão e felicidades. Quando quiser voltar e bater um papo, será sempre bem-vinda. Se quiser me escrever: sobesom@gmail.com . Beijos.

Anônimo disse...

Olá Luciana, me chamo Maira, tenho 24 anos, Cheguei ao seu blog através de uma pesquisa no Google.
Estou tomando Valdoxan há 8 dias, e sinceramente estou me sentindo muito mal, nervosa, tendo um comportamento agressivo, muita sololência durante o dia e insônia duarante a noite, liguei para o meu médico e ele disse q é normal nas duas primeiras semanas de tratamento, que só na terceira semana é que se sente a diferença e me pediu para continuar tomando, Se persistirem os sintomas eu tenho q parar de tomar e o consultar novamente. Mas eu não estou nem um pouco satisfeita, ja tenho problemas em lidar com o nervosismo, stress e a depressão, e ainda tenho que suportar um efeito extremamente contrário ao que eu precisava...
Estava tomando fluoxetina, e me sentia muito bem, mas como todo medicamento, tinha seus prós e contras, e os contras eram as dores de cabeça constantes e sustos durante o sono, mas com relação ao meu comportamento, não me deixava agressiva como tem feito o Valdoxan.
Espero que outras pessoas comentem aqui as suas experiências com os tais medicamentos antidepressivos, pois é sempre bom saber se o problema só ocorre comigo.
Muito Obrigada pela atenção! Beijos.

Lu Vaz disse...

Oi, Maira! Algumas pessoas me escreveram dizendo que se deram bem com o Valdoxan. Mas algumas tiveram os sintomas que vc descreveu, inclusive eu. No meu caso, o médico suspendeu o Valdoxan em 14 dias. Mas cada caso é um caso. É importante vc se sentir confiante e confortável com o seu médico. Já é um passo importante para você ficar menos nervosa. A gente precisa se afinar com o remédio e com o médico. Não é fácil, eu bem sei disso, mas temos que continuar buscando o controle disso. Eu postei há poucos dias o meu tratamento com a psicóloga e coloquei o link aqui no final do comentário. Eu espero que seja útil pra vc. Beijão e boa sorte!

http://www.lucianavaz.net/2010/11/espire-ansiedade-expire-o-transtorno-de.html

Anônimo disse...

Quem está tomando o Valdoxan e está tendo melhoras?
Eu estou a tomar para curar minha insônia que é tremenda e também para a ansiedade, que parece tomar conta de mim... rs
Aguardo notícias..
Obrigado

Anônimo disse...

Luciana, pesquisando no Google, sobre pessoas que tiveram efeitos colaterais ao fazer uso do Valdoxan cheguei ao seu blog. Há dois dias estou tomando esse medicamento. No primeiro dia não tive qualquer reação, mas a partir do 2º dia fiquei praticamente fora do ar. Senti uma sensação de dormência por toda a cabeça, enxaqueca, tontura e extrema sonolência. Nem conseguia andar direito. Que bom que encontrei o seu blog! Descobri que outras pessoas também tiveram reações. Vou ligar para o meu médico e pedir para suspender o remédio. Não tenho condições de trabalhar tendo essas reações. Um abração e desejo que melhore mais a cada dia.

Anônimo disse...

Eu estou tomando o valdoxan!!
Por incrível que pareça, não sinto nenhum efeito colateral... meu humor melhorou 100%, minha insônia foi para o espaço e até eu mesmo estou espantado com o tanto que eu estou mudando e com o quanto estou feliz!!!
Obrigado meu Deus por ter encontrado o medicamento certo.

Alexssandra disse...

Ao pesquisar na internte os efeitos colaterais deste medicamento, cheguei a este site. Eu estou na segunda semana do tratamento e estou me sentindo muito mal. Nao consegui falar com o meu medico. Psiquiatra de convenio é uma porcaria...eles nao fornecem celular..entao tenho que esperar até sábado para tentar falar com ele de novo. As dores de cabeças estão me deixando louca, principalmente na nuca. Estou muito irritada, com tonturas, sentindo muito sono durante o dia e insonia a noite. É uma pena porque o meu medico mudou da sertralina para o valdoxan exatamente porque obtive pouca melhora. Espero encontrar o medicamento certo como o nosso amigo anônimo.

Lu Vaz disse...

Oi, Alexssandra! Algumas pessoas não comentam no blog e preferem mandar e-mail sobre as postagens de síndrome do pânico e depressão. Tem gente que se dá super bem com o Valdoxan. Mas algumas pessoas têm efeitos colaterais. Eu tive efeitos terríveis e imagino o que vc está passando. Eu fico na expectativa de que vc consiga falar logo com o médico e possa relatar tudo que está sentindo. É uma barra, mas, acredite, tudo vai melhorar. Beijos e mais beijos, minha querida!

Denise disse...

Bom, tomo valdoxan à noite e venlaxin pela manhã... tomava só o venlaxin e não estava melhorando... com o valdoxan fico super bem e super tranquila... dor de c abeça tive nos dois primeiros dias, depois passou... hj estou super bem e acho q foi o melhor antidepressivo que já tomei... não me deixa apática, e sim, equilibrada.

Anônimo disse...

Meu nome é Jô conheci o blog através dos efeitos colaterais , estou tomamdo o valdoxan faz 4 dias estou num pesadelo mal humor, dor de cabeça, tontura, nauseas e muito irritada liguei p/ o médico e ele disse que não é o medicamento, e que eu ja estava mal e por isso tenho que esperar 15 dias até o remedio fazer efeito! MEU DEUS MAL CONSIGO PARAR EM PÉ!ME AJUDEM!!!!!!

Cat disse...

Estou no 20º dia de Valdoxan. Minha ansiedade aumentou, estou irritada, perdendo a paciência muito fácil. Os momentos de depressão tb tem sido frequentes nesses dias. Minha medica optou por reduzir a dose pela metade e associou outra mediação(LEXAPRO). Vamos ver como sera daqui pra frente... por enquanto nao estou gostando! Confio na minha medica e vou tentar continuar, mas se nao melhorar essa irritação, vou parar com certeza!!!!

Bruno disse...

Olá pessoal, escrevo desde Portugal.
É interessante ver que tanta gente se dá mal com o Valdoxan. Eu vou no 4ºdia de valdoxan e só sinto que este medicamente potencia tudo o que há de mau na ansiedade/transtorno de pânico/depressão. Vou na 2ª feira falar com a médica! Não quero morrer da doença, mas desde logo da cura também não!

Anônimo disse...

Olá pessoal, tudo bem?
EStou tomando o valdoxan e estou no 20º dia.
Tenho muita ansiedade e uma insônia horrível!!!
Até agora nada mudou!! Meu sono com o valdoxan é ruinzinho.. acordo muito cedo e se não tomo o rivotril eu não consigo dormir somente com o valdoxan.
Deixem seus relatos..
Deixo aqui tb o meu e-mail
timex_df@zipmail.com.br

Ronaldo disse...

Olá,
O Valdoxan é uma medicação muito nova e os médicos estão receitando para ansiedade sem saberem realmente se funcional. No meu caso eu tive que diminuir a dose porque senti um aumento imenso da ansiedade. Conheci outras pessoas que sentiram a mesma coisa e tiveram que interromper. Meu médico me receitou a sertralina junto e melhorou, mas quero tirar o valdoxan.

Anônimo disse...

Ontem foi o primeiro dia que tomei valdoxan. Logo que tomei , uns 40 min após a administração senti uma enorme tontura, mas não era sono, acabei depois tendo um sono bem leve.Acordei cedo,o que aconteceu diferente dos demais remédios que nao me permitem acordar, mas após um tempo senti forte tontura e dor de cabeça, o que me foi orientado que é normal nos primeiros dias, embora haja pessoas que nao sintam nada.Vou continuar por mais uns dias e ver se melhora ou se piora esse quadro. Caso persista, vou ter que procurar meu médico mas a esperança desse medicamento dar certo ainda é muito grande. Este é meu relato , espero que ajude! bjo!

Anônimo disse...

Olá, estou no 6º dia de Valdoxan e me sinto muito mal. Sinto como se todos os sintomas que eu tinha antes triplicaram. Sinto muita dor de cabeça, tonteira, mal estar, insônia e pesadelos quando cochilo. Os pesadelos são sempre sobre suicídio e esses pensamentos não saem da minha cabeça o tempo todo. Estou tentando contato com a médica mas... ainda não consegui.

Anônimo disse...

Meu médico me receitou o Valdoxan e o primeiro susto foi o preço: R$230,00. Então não comprei e resolvi pesquisar na internet sobre o medicamento e me deparei com esse blog. Lendo todas as mensagens: o segundo susto!! Sinceramente, foi suficiente para não comprar essa medicação. Pelas descrições dos sintomas, fiquei assustada e não quero passar por nada disso, até porque estou numa fase de muitas dores pelo corpo, dores de cabeça, com a sensibilidade aflorada... Não estou a fim de sofrer com mais dores de cabeça, tonturas, etc... eu tomava lexapro e me dei muito bem. O que me fez trocar foi em razão de um dos efeitos colaterais do lexapro ser a perda da libido. Isso é muito chato, mas mais chato é me sentir como estou me sentindo... Vou voltar já para o lexapro...

Anônimo disse...

Bom dia, cheguei este site com uma pesquisa no google. Meu marido está tomando Valdoxan a mais ou menos 3 semanas. Está estremamente irritado e fora da realidade.Me acusa, não vê o quanto o amo e quero ajudá-lo. Está falando até em separação!!! Estou desesperada pq ele acha que o remédio que abriu os olhos dele!Estamos numa briga sem fim e sem razão!Não posso tocar no nome do remédio que aí que ele fica agressivo e fala palavras que machucam até a alma!!! Esse remédio deveria ter a venda proibida!!!Foi só um desabafo de quem sofre por ver seu amor sofrer tbém!!!!

Anônimo disse...

TENHA CALMA.PASSEI PELO MESMO PROBLEMA.MAS,AO CONTRARIO DO QUE PENSEI O MAL ESTAR NAO ERA DO VALDOXAN.MEU MEDICO FALOU QUE ERA PROVOCADO PELA ABSTINENCIA DO EFFEXXOR,MEDICAÇAO QUE EU TOMAVA ANTES.SERA QUE NAO É ESSE OSEU CASO?CONVERSE COM O SEU MÉDICO.

Anônimo disse...

Olá!! Meu nome é Amanda. Estou tomando o Valdoxan a 2 meses e meio e também não estou me sentindo bem. É a primeira vez que estou usando anti depressivo e no início nem me preocupei em observar os efeitos colaterais...mas com o tempo fui me atentando. A médica me receitou pois eu estava passando por um período de estresse no qual eu estava tendo insonia. Nos primeiros dias o remédio até me ajudou... mas com o passar do tempo adquiri uma ansiedade exacerbada, minhas dores de cabeça não passam e a insônia não me deixa!! Não aguento mais.. quero dar fim a esse remédio o mais rápido possível.

Anônimo disse...

Olá, meu nome é Rosana e moro em belo horizonte. Tomei o valdoxan por 4 dias e nunca me senti tão mal em toda a minha vida. Tive dor de cabeça, tontura, enjôo e tudo mais. Suspendi o uso, mas ainda não consegui falar com a minha médica. Você saberia me dizer quanto tempo leva para os efeitos desaparecerem? Muito Obrigada. e-mail (rbarosamg@gmail.com) Pesquisei sobre os efeitos colaterias na net.

Anônimo disse...

1)Alguém conseguiu tomar Valdoxan por mais de 1 ano???

2)Alguém já conseguiu fazer um tratamento completo com algum medicamento do começo ao fim?

Obrigado

Girassol

Anônimo disse...

Ola eu estou tomando valdoxan a 11 dias e apenas no primeiro dia me senti bem depois todos os sintomas pioraram so a noites entre uma 20;00 22;00 quando eu acho que passa o efeito me sinto bem tentei tomar 2 comprimidos uma noite os efeitos ficaram piores Tontura ,dor de cabeça constante , desorientaçao , ansiedade,insonia e sono diurno nao sei se devo continuar com essa medicaçao to piorando

Anônimo disse...

Cheguei ao blog procurando por relatos sobre as reações adversas do uso do Valdoxan.Tomo Valdoxan há dois meses, depois de játer passado por diversos antidepressivos em 10anos. Tenho muita ansiedade sofro com uma insônia severa que é comabtida com 10 gotas derivitril antes de dormir. Como a insônia se agravou, o médico trocou o Cymbalta pelo Valdoxan q tomo antes de dormir juntamente com o rivotril. A qualidade do sono melhorou indiscutivelmente,é um sono intenso e acordo bem, mas logo após noto muito cansaço e uma dor nas costas terrível, que estão me impedindo inclusive de trabalhar. Em 10 anos nunca tinha tido noites tão tranquilas como agora, no entanto, a fadiga que sinto ao longo do dia me incapacita demais.Meu médico está em um congesso, mas assim q chegar terei q falar com ele

Anônimo disse...

hoje é meu segundo dia de Valdoxan, me sinto bem, um pouco de dor de cabeça, mas faz parte do início do tratamento. Quem se sentiu bem com Valdoxan????

Anônimo disse...

Ola a todos, cheguei ao blog atraves de pesquisas a respeito dos egeitos colaterais ao uso do Valdoxan. Ja havia 08 meses que havia retirado a Venlafaxina(antidepressivo), e estava dormindo ultimamente com o uso do Frontal.
No entanto, tive uma crise nervosa e uma medica me receitou este Valdoxan. Tem 05 noites que o tomo antes de dormir e simplesmente nao durmo. Agora, estou com enxaqueca e mais ansiedade.
Sinceramente, nao me adaptei a esta medicacao.
O pior eh q o medico suspendeu o uso do Frontal, ai mesmo que nao estou dormindo.
Sera que insisto nesta medicacao(Valdoxan), e aguardo mais alguns dias? Ou suspendo o tratamento?

Anônimo disse...

Ola a todos!
Eu estou a tomar valdoxan, omeoprazol,librax,permadoze, à 4 meses!
Tinha todos ou quase todos os sintomas que vêm na folha da medicação. De certo que foi a minha salvação! Agora só não sei é quando posso parar.
Foi a 1ª vez que tomei anti-depressivos!
Andei muito nervoso até ao ponto de fazer gastrite ou ulcera nervosa perdi 10 kg em 2 meses.
Que deus abençoe quem por aqui passa!
cheguei ao blogue quando pesquisei pelo nome do medicamento.
Se alguem precisar de ajuda!
cristiano_moutinho@hotmail.com
Cristiano Moutinho

Anônimo disse...

Me nome é Sarah. Cheguei a este blog atravez de pesquisa do termo Valdoxan no Google. Tomo Valdoxan há 8 meses juntamente com Lamital... Há muito me diagnosticaram como Bipolar.. tenho minhas dúvidas.. meus sintomas pioraram fortemente depois dos 50 anos (antes eu tive algumas crises de depressão e era uma pessoa bastante alegre)... Só depois diagnosticaram um Hipotireoidismo... Atualmente tomo 50mg de puran T4.. melhorei sim.. mas não sei se por efeito de que... O certo que mina depressão era tão forte que ou eu melhorava ou eu me acabava (como era minha intensão), mas vários faotores foram adicionados desde o inicio do tratamenteo...passsei a frequentar uma igreja, amigos espíritas rezaram por mim em dois centros, um novo namorado..enfim... o que melhorou não sei. Ainda tenho crises de depressão e poucas "crises" de ligeira alegria (que eu não camaria de euforia mas de crença em estar viva).. Agora de uma coisa eu tenho certeza! Engordei 12 quilos nestes 8 meses... (de 58 estou em 70kg) E isto me desespera! Alguém mais observou mudança de Peso com Valdoxan?

Anônimo disse...

sarahkavinsky@hotmail.com Cheguei ao Blog pesquisando no google o termo Valdoxan. Agradeço pela NÃO PUBLICAÇÃO DE MEU E.MAIL. Obrigada.

Anônimo disse...

Oi meu nome é Eliana, elianaffernande@r7.com, cheguei a este blog por pesquisa do termo Valdoxan no Google.Estou tomando o Valdoxan há 5 dias, porem estou péssima, muito deprimida... com insônia, e pela manhã acordo com fadiga, apesar de conseguir até sonhar... Tomei Lexapro, e o Venlifti por 2 anos, mas ultimamente dormia + ou - 3 horas. Ainda não falei com meu médico, mas vou procura-lo logo.

Anônimo disse...

Estou no final da segunda caixa de Valdoxan.
Comecei à tomar por conta de uma depressão e insônia.
Tomo Stilnox CR associado, e durmo melhor.
Mas à 15 dias, venho sentindo uma confusão mental, com esquecimento e falta de concentração, que estão atrapalhando o meu trabalho.

Alguém sentiu esquecimentos e falta de concentração com o uso do Valdoxan?

Meu nome é Ronaldo.

heloisa gomes disse...

Tomo Valdoxan há 18 mese, e em todas as consultas com o meu psiqui sem pre que questionada se estava me sentido bem eu afirmava q sim....só que agora...coisa de 2 meses para cá venho observando que : os meus pés e mãos logo apos ingerir o remédio a noite...começam a formigar....comecei com dores de cabeça....prisão violenta de ventre...e ainda para piorar se não tomar com o Frontal...tenho insonia.Agora...me sinto até sem jeito de falar ao medico q depois de tanto tempo ....comecei a ter efeitos colaterais q estão me fazendo muito mal.........alguem ja passou por isso?

heloisa gomes disse...

cheguei a esse blog fazendo pesquisa sobre Valdoxan; meu e-mail: heloisahelena@colegiosenior.com.br

MARIA JOAO LIMA disse...

olá
o meu nome é maria e sou portuguesa
estou com uma depressão cronica e o medico receito-me paroxetina 20ml ( 1 comprimido ao pequeno almoço) alprazolam 1 ml (para tomar de manha,mas eu tomo á noite pois me causa sonolência) e o VALDOXAN 25mg...eu estou a dar-me muito bem com este tratamento e com este VALDOXAN,DURMO MUITO BEM...!!! alias ele há uns dias acabou e eu fiquei bem mal...pois acordei a tremer mal disposta e triste alem de dormir o dobro e acordar ainda cansada... o preço é QUE É MUIIIIIIITO CAROOOOOO!!! AQUI EM PORTUGAL EU PAGO CERCA DE 52 EUROS

Cris disse...

Olá, cheguei a este blog pelo Google quando pesquisava opiniões sobre o valdoxan. há algum tempo que tenho muitos problemas familiares e de certa forma isolei-me muito e isso fez-me ficar muito tímida, costumo dizer que tenho pânico de pessoas, sério! se vou para um sitio onde esteja muita gente sinto-me mal como se toas as atenções se virassem para mim...Nunca tive apoio psicológico durante os 7 ou 8 anos que me sentia assim...Até isso começar a deixar-me sem vontade para trabalhar e de socializar...Procurei um psicólogo mas não ajudou em nada...Um dia tive uma crise de ansiedade, devido a um problema que tive em casa e fui ao hospital , fui atendida por um psiquiatra que me receitou uns comprimidos a base de ervas ou qualquer coisa desse tipo, mas não faziam nada,entao comecei a ser seguida por um psiquiatra que me explicou que estou com depressão e receitou-me valdoxan...Toda a minha vida, desde que me conheço sempre dormi mal , mas com o Valdoxan a capacidade de sono era nula, adormecia e passado 2 horas voltava a acordar e nao dormia mais.Foi o único aspecto negativo desse medicamento.Mas isso irritava-me não conseguir dormir e deixei o valdoxan...Só vou ao psiquiatra em Março, mas acho que vou retomar a medicação pelo menos até ao fim da caixa...Que me dizem? Vou deixar o meu mail para me darem as vossas opiniões e gostava de saber as vossas histórias..é mesmo muito importante porque nunca falei com ninguém com o mesmo problema, ou parecido...Estão à vontade para falarem .Obrigada e força, é preciso lutar muito eu sei espero que eu e todos consigamos ser felizes sem esta maldita incapacidade de fazer o que for.Beijos a todos O MEU MAIL É cristinacosta.90@hotmail.com

Anônimo disse...

Cheguei ao blog por meio de pesquisa do google. Tomo Razapina 30 mg e o médico decidiu entrar com o Valdoxan para melhorar o sono e a disposição. Foi um desastre!! Com cinco dias tomando o medicamento todos os sintomas do pânico e da depressão voltaram, além de uma enorme dor de cabeça. Entrei em contato com meu médico e ele suspendeu o Valdoxan imediatamente, sem questionar nada.

Anônimo disse...

eu estou com uma caixa na mão de valdoxan, 25mg, receitada e comprada hoje. depois de tantos comentários negativos, fico com receio de os efeitos da cura serem piores que os da doença. em todo o caso, ainda ninguém falou dos efeitos no fígado. alguém notou alterações nos n´veis das enzimas hepáticas? alguém fez análises ao sangue após tomar valdoxan? isso me preocupa muito, mais que o meu médico por sinal
agradeço comentários.

Anônimo disse...

cheguei ao blog procurando saber sobre o valdoxan,nunca tinha tomado medicamentos,os sintomas nos primeiros vinte dias foi ruim so que agora ja faz quase dois meses e estou me sentindo bem melhor e estou fazendo terapia junto vale a pena aguardar o medicamento agir!!!!

Anônimo disse...

Eu tomo o Valdoxan a três semanas juntamente com o Depakote 500mg ER. Eu acabei de adaptando muito bem aos dois remédios. No meu caso que sofro de transtorno do humor e que estava com dificuldade para dormir, o Valdoxan foi ideal pq ele não leva a hipomania e também dá sono. Não tenho que reclamar do remédio. E só uma coisa que divido com vocês depois de 10 anos de sofrimentos: tem que ir no médico, não mude e nem pare de tomar o medicamento sem anuência dele, faça terapia e obedeça todas as regras anteriores. Não tem outro caminho. Tenho muitos familiares que nunca ficaram bons porque desobedeceram as regras e se continuarem assim, nem vão ficar. A gente não sabe mais do que o médico que estudou e fez residência.

Anônimo disse...

Depois de uns 15 anos tomando fluoxetina, paroxetina, venlafaxina, estou agora tomando valdoxan, no primeiro mes associado com outro medicamento mas este (welbutrin) me prejudicou o funcionamento intestinal dai o medico descontinuo e dobrou a dose de valdoxan para 50 mg dia.
Confesso que depois que descontinuei o tratamento anterior a abstinencia me deixou meio que perdido e misturado aos efeitos colaterais da combinaçao foi dificil, mas assim que fiquei so com o valdoxam os efeitos colaterais diminuiram bastante ainda estou em fase de adaptaçao com o medicamento e espero que possa me ajudar pois vou insistir mais um tempo. Obs. nao tomo nada alem de valdoxam pois e dificil avaliar sintomas e resultados quando se toma associado com outro medicamento por isso estou insistindo nele sozinho 50mg dia.
Estou tendo sensaçoes diferentes pois parece que age de maneira diferente no cerebro gostaria de saber de algum comentario de quem toma so o valdoxam a mais de dois meses e como esta se sentindo.
email:postogaperinho@hotmail.com

patricia disse...

ola !!! Eu estou tomando fluoxecetina 40 mg estou mundando para valdoxam, se alguem q escreveu aqui e estiver lendo, gostaria de saber depois de quantos dias oeste remedio para com seus efeitos colaterais e começou a dar um bom resultado ? P O R Q U E quando eu começei com o fluoxetina quase morri fiquei muito mau, mas depois tudo melhorou estou mudando para valdoxam e pretendo passar pelo periodo de adaptação grata sonhosonhosonho@hotmail.com patricia

Anônimo disse...

Meu relato é que TODOS os antidepressivos que tomei ate hoje me fizeram MAL nos dois sentidos, FISICAMENTE e no BOLSO, Ai entrei procurando algo sobre insonia, pq nao quero mais tomar zolpiden ou rivotril pra dormir, entao vou tomar a MELATONINA em capsula.Oque ja gastei com antidepressivos que tomava por 1 ou 2 dias nao conseguia SOBREVIVER por tantos efeitos colaterais! O ultimo foi o reaconter de 10mg EU SINCERAMENTE PENSEI QUE IA MORRER! tamanho mal estar. E outra coisa que eu quero muito resaltar é que os psiquiatras estao nos usando como cobaias, porque eles falam vc toma este, mas se nao te fizer bem a gente passa outro e assim por diante...E nos dizem aguente 4 semanas ate estabilizar! e eu pergunto primeiro vc MORRE, pra depois ficar CURADO! isto é meio paradoxal não acham???????

Luís Carlos Campêlo disse...

Faço das suas as minhas palavras.. Insônia zero e melhora na depressão

Luís Carlos Campêlo disse...

Calma... Essa combinação vai melhorar... Eu queria saber quem já o toma por mais de seis meses. Valdoxan por mais de seis meses

Luís Carlos Campêlo disse...

Gostaria de saber exatamente sobre isso??? Quem fez o tratamento correto??

Luís Carlos Campêlo disse...

O problema do Valdoxan é o preço!!! Mas a saúde psíquica tem q vir em primeiro lugar

Anônimo disse...

OLá o meu nome é Andreia e tal como alguns de voçês, eu também tomo valdoxan a quase nove meses. Os primeiros quinze dias foram desastrosos.... passado esse tempo, comecei a sentir melhoras... até que agora, noto que o medicamento está a deixar de fazer tanto efeito!
fui informada que este remédio, não causa dependência ou tolerância, mas a verdade é que acho que está a acontecer.... Alguém já passou por isso...

Postar um comentário

POR FAVOR, INFORME O SEU WEBSITE OU E-MAIL, NOME OU APELIDO E COMO CHEGOU AO BLOG. OBRIGADA!

Você já é um BB? Inscrições abertas!

......................................................


Blogueiros do Brasil

Amigos do Gostos e desgostos no Facebook

Amigos do Blog Gostos e desgostos